Por Gustavo Martins-Coelho


 

Quando uma pessoa olha com alguma calma para a rede da STCP, como diz o povo, cada tiro, cada melro. Primeiro, critiquei os horários irrealistas [1]; depois, denunciei a total desarticulação do horário da linha ZF com o horário dos comboios urbanos da CP [2]; finalmente, alertei para a falta de vias exclusivas para transporte colectivo, o que deixa os autocarros à mercê do tráfego automóvel [3]; e, hoje, lanço esta pergunta simples: temos paragens de autocarro a mais?

Para responder, olhemos para o quadro abaixo, que apresenta a distância média entre paragens, em cada linha da STCP:

Linha (STCP) Extensão (km) Paragens (n) Distância média entre paragens (m)
200 10 27 370
201 10 25 400
202 11 29 379
203 11 31 355
204 14 38 368
205 19 50 380
206 11 36 306
207 12 35 343
208 12 30 400
209 7 20 350
300 14 46 304
301 15 45 333
302 9 26 346
303 10 28 357
304 6 20 300
305 9 22 409
400 6 19 316
401 8 24 333
402 8 23 348
500 11 35 314
501 12 35 343
502 10 30 333
503 15 42 357
504 12 33 364
505 20 50 400
506 14 43 326
507 20 47 426
508 19 51 373
600 14 43 326
601 21 37 568
602 18 54 333
603 20 59 339
604 19 52 365
700 18 50 360
701 15 52 288
702 11 36 306
703 12 40 300
704 19 51 373
705 21 59 356
706 16 41 390
707 16 42 381
800 12 38 316
801 12 39 308
803 15 41 366
804 12 35 343
805 10 30 333
806 9 27 333
900 7 20 350
901 14 46 304
902 12 28 429
903 ? ? ?
904 7 19 368
905 9 25 360
906 16 52 308
907 15 40 375
ZR 7 22 318
ZM 4 11 364
ZF 5 14 357

A resposta é nim.

Em primeiro lugar, há considerável variabilidade: há três linhas com distância média entre paragens entre 250 e 300 metros; 26 com distância média entre 300 e 350 metros; 24 entre 350 e 400 metros; 3 entre 400 e 450 metros; e depois há o 601, com distância média entre paragens de 568 metros.

Em segundo lugar, estamos a falar de distância média. Certamente, ao longo de cada linha, haverá paragens com espaçamento muito reduzido e paragens distantes uma da outra.

Em terceiro lugar, é difícil definir o espaçamento entre paragens ideal. Segundo o Jarrett [4], em São Francisco, o padrão é 250 a trezentos metros [5]; em Sydney é quase sempre superior a trezentos metros [6]; mas, por alguma razão, o número mágico parece ser quatrocentos metros [7, 8]. Faz sentido: com paragens a cada quatrocentos metros, ninguém tem, idealmente, de andar mais de duzentos metros até à paragem mais próxima. Como, aparentemente [9], os transeuntes mais lentos (idosos com dificuldade de locomoção e sem bengala) caminham a 2,62 km/h, então ninguém ficaria a mais de cinco minutos a pé da paragem mais próxima.

Então, tomemos esse valor como referência. Se o fizermos, a resposta já passa a ser sim: temos paragens a mais em quase 93% das linhas da STCP. Retirar o excesso tornaria as viagens mais rápidas, pelo que o benefício seria imensamente superior ao custo duma caminhada ligeiramente mais longa.

Anúncios